INJEÇÃO INTRA-CITOPLASMÁTICA DE ESPERMATOZÓIDE COM PESA/TESA/TESE



         Quando não existe espermatozóide no ejaculado, condição denominada de azoospermia, é possível fazer uma punção com uma agulha fina do epidídimo (PESA) ou do testículo (TESA) ou mais raramente, uma biópsia por incisão do testículo (TESE), a fim de se obter espermatozóides ou espermátides (formas jovens precursoras dos espermatozóides), sob anestesia local ou sedação. Posteriormente, submeter-se à fertilização por ICSI.